LUA - INDÍCIOS DE CONSTRUÇÕES E COMPLEXOS ESTRUTURAIS - PARTE 31

Seguindo série de postagens, na próxima fotografia analisada destacaremos uma área da região fotografada, onde se localiza um mega complexo estrutural

O termo mega aqui empregado não constitui um exagero deliberado se, considerarmos que algumas das mais complexas e gigantescas formações existentes na lua, eventualmente podem ser vistas por meio de telescópios.

A foto a seguir, (AS14-75-10306), foi obtida pela missão Apollo 14 em órbita, numa altitude não informada e sobre as regiões  JOLIOT, LOMONOSOV e MAXWELL.

Seguindo o padrão de análise, destacaremos a área de interesse na região fotografada.

Visualmente, se destaca uma extensa área composta por complexas elevações.

Na região destacada, chama a atenção os padrões lineares em toda superfície da área destacada contornando, inclusive, algumas crateras gigantescas.

Fazendo algumas correções na fotografia, os padrões estruturais e supostas escavações ou, conjunto de formações edificadas a partir do próprio solo, que formam estes gigantescos complexos estruturais lunares, ficam evidentes.

Assim, em uma análise contextualizada, considerando os padrões,  esferas, objetos e estruturas que apresentamos em outras postagens, apenas fazem aumentar a convicção de que estamos diante de clara atividade extraterrestre inteligente, realizada sobre a superfície lunar.

A verdade está lá, para quem quiser eliminar uma das capas que a encobrem.



Comentários

Postagens mais visitadas